CONHECIMENTO

Por Lucas Cruz | Diretor-sócio da Doss

Você já deve ter notado que as lives tomaram conta do universo digital desde o início da pandemia da COVID-19. Grandes artistas e influenciadores foram responsáveis pela popularização desse recurso disponibilizado por mídias sociais como o Instagram, o Youtube e o Facebook. 

No Brasil e no mundo, iniciativas de cantores solo, bandas e até mesmo times de futebol movimentaram o mercado e arrecadaram milhões de reais com transmissões online desde o início da quarentena. 

Números estrondosos de visualizações e acessos foram noticiados ao longo desse período. No mês de julho, o clássico do futebol “Fla-Flu” foi transmitido pelo canal “FluTV” no Youtube e tornou-se uma das maiores lives do mundo, segundo dados divulgados  pelo Uol Esporte, mostrando que diversos perfis de público se renderam a esse novo formato.

Para além do entretenimento, grandes e pequenas empresas também viram nas lives uma nova estratégia de alcance e aproximação com os clientes. Mas será que este recurso seria útil no seu negócio? 

Se você tiver conteúdo, interesses bem definidos e público-alvo claro a resposta é sim! Aqui na Doss Propaganda, por exemplo, faria muito sentido abrir uma série de lives falando sobre branding, marketing, propaganda. 

O que você deve levar sempre em conta é para quem você está comunicando e com que objetivo você está fazendo isso. 

O que você pode aprender com o varejo?

Da mesma forma, grandes empresas de varejo utilizaram desse recurso nos últimos meses de lojas fechadas para a divulgação de promoções, produtos e sorteios. A questão é que, com objetivos específicos e conteúdo alinhado, é possível fazer ótimo uso dessa ferramenta gratuita e ajudar no engajamento do seu negócio sem apenas fazer parte do modismo. Assim, listamos alguns benefícios da promoção de lives para a sua marca:

  •  Promove proximidade e interação entre seguidores e administrador(es) da conta, favorecendo o engajamento de sua marca nas redes;
  • Divulgação de produtos e serviços por meio de sorteios ao vivo;
  •  O recurso é 100% gratuito e pode ser “impulsionado” com o auxílio de hashtags direcionadas ao seu público-alvo. Além disso, o Instagram notificará seus seguidores sempre que você iniciar uma live;
  •  Crescimento natural (sem investimentos remunerados) do tráfego orgânico das redes sociais, atraindo clientes e possíveis parceiros profissionais.

Ao que tudo indica, as lives vieram para ficar e, provavelmente, continuarão sendo uma ferramenta de divulgação e engajamento digital no “novo normal”. Anotou tudo e acha que é a hora de divulgar e definir o local de gravação? Segue algumas dicas extras que preparamos:   

#1 Crie expectativa

Avise seus seguidores acerca da transmissão com pelo menos uma semana de antecedência. Desenvolva uma postagem interessante para a timeline e conte com o auxílio dos stories para lembretes consecutivos. Aposte em hashtags para atingir possíveis interessados e, se preferir, patrocine a publicação.

#2 Providencie uma boa conexão

Uma boa conexão de internet é essencial para evitar falhas de transmissão. Opte por redes de Wi-Fi com ótimo sinal.

#3 Selecione o ambiente de gravação

Grave em um local silencioso e bem iluminado. A iluminação natural proporcionará uma qualidade de imagem satisfatória e esteticamente agradável. Tome cuidado com o plano de fundo.

#4 Converse com o público

Na maioria das plataformas, as lives permitem comentários ao vivo. Use este mecanismo ao seu favor e converse com espectadores on-line – faça e responda perguntas, convide-os a interagir, promova sorteios e mais. Aposte na criatividade!

#5 Defina o tempo de transmissão 

As lives costumam durar de uma a três horas. Quanto mais tempo ao vivo, maiores serão suas chances de alcance. 

         Pronto para iniciar sua série de lives? Aproveite nossas sugestões e lembre-se de visitar nosso blog para mais conteúdos como este.

Comente